Estabilização Segmentar

Para que todas as partes do corpo humano possam se movimentar normalmente durante as atividades diárias há a necessidade que a coluna vertebral esteja completamente estável.

Essa estabilidade é proporcionada parcialmente por estruturas estáticas denominadas de ligamentos, mas, a estabilização primária da coluna, é dada principalmente por alguns músculos

chaves como o transverso abdominal e multífidos na coluna lombar e os paravertebrais profundos na coluna cervical.

Esses músculos são descritos como sendo os estabilizadores dinâmicos da coluna vertebral. A não estabilização da coluna vertebral leva a manifestações de sintomas dolorosos locais em função da sobrecarga articular seguida de alterações biomecânicas e estruturais da coluna. Normalmente, a maioria das pessoas não tem a capacidade de recrutar de maneira eficiente os músculos estabilizadores da coluna vertebral e isso acontece em função de um controle motor bastante ineficiente sobre esses músculos.

A estabilização segmentar terapêutica (EST) é uma técnica de tratamento criada por fisioterapeutas e pesquisadores australianos que visa devolver a função de estabilização de diferentes segmentos da coluna vertebral. O treinamento pode ser feito por meio de exercícios específicos com o auxílio do aparelho Stabilizer.

O Stabilizer é um aparelho simples destinado a registrar as alterações de pressão numa bolsa de pressão pneumática e que permite detectar o movimento da coluna e suas compensações durante o exercício.